tipos de fitagem tipos de fitagem

4 tipos de fitagem e como fazer todos eles!

6 minutos para ler

A fitagem é uma técnica de finalização de cabelo muito utilizada para quem quer cachos e ondas superdefinidos e que duram por muito mais tempo. Mas existem diversos tipos de fitagem, você sabia? 

Vem saber mais sobre o que é essa técnica, quando ela é indicada e quais são os tipos de fitagem!

O que é a fitagem e para que ela serve?

O objetivo principal da fitagem é proporcionar definição aos cachos, criando uma estrutura que mantém a forma por mais tempo. Em outras palavras, deixa o cabelo cacheado bem mais definido e sem frizz

Como é feito “de fita em fita” do cabelo, a fitagem ajuda a evitar que os cachos se agrupem, dando a impressão de fios bem mais espaçados, volumosos e bem definidos. Além disso, com essa técnica você também consegue distribuir os produtos em todo o cabelo, mantendo-o protegido, hidratado e brilhante por mais tempo. 

Para quem a fitagem é indicada?

A fitagem é uma técnica superversátil e pode ser adaptada para diferentes curvaturas de cabelo, desde cachos mais fechados até os ondulados bastante suaves. 

A dica é ajustar a quantidade de produto e a técnica de aplicação de acordo com a textura e densidade do cabelo. Para cachos menores, é recomendável usar produtos mais hidratantes e definidores, que vão ajudar a manter a curvatura. 

Para quem tem cabelo ondulado, produtos mais leves podem ser mais adequados, pois não vão pesar na curvatura nem na textura do cabelo. 

Para acertar na fitagem é preciso testar sempre! Afinal, é preciso encontrar o produto que mais dá certo com a textura do seu cabelo, assim como a técnica que mais funciona para você definir seus cachos e ondas. 

Você pode testar usar mechas mais grossas, mais finas ou um produto mais denso, ou mais líquido: tudo isso pode mudar o resultado. Por isso, não desista do seu cabelo definido dos sonhos! 

Produtos necessários para a fitagem

Para realizar a fitagem, é essencial contar com produtos capilares específicos para cabelos cacheados e ondulados, que ajudam a definir melhor a curvatura dos fios e controlar o frizz. 

Entre os produtos mais comuns utilizados na fitagem estão:

  • cremes para pentear;
  • géis ativadores de cachos;
  • gelatinas para cabelo cacheado;
  • cremes de definição;
  • óleos capilares;
  • toalhas de microfibra ou camiseta de algodão;
  • um pente com os dentes bem abertos;
  • bico difusor para secar os fios.

Tipos de fitagem 

Conhecendo os tipos de fitagem que existem fica mais fácil encontrar aquele que mais se adequa ao que você deseja para o seu cabelo. Vamos conhecer os principais tipos de fitagem e experimentar?

1. Fitagem tradicional

A fitagem tradicional é simples de fazer e, quanto mais você treina, melhor ficará o resultado final! Use creme para pentear, daqueles indicados para cabelos cacheados e, depois de lavar seu cabelo, siga os passos abaixo:

  1. remova o excesso de água dos cabelos com uma toalha, mas ainda deixe os fios molhados;
  2. penteie o cabelo, dividindo em fitas com os dedos, ou seja, separando uma mecha da outra. 
  3. aplique uma quantidade generosa de creme para pentear em cada uma das mechas que você separou do seu cabelo. Repita esse processo em todo o cabelo, trabalhando mecha por mecha.
  4. após finalizar a fitagem, deixe o cabelo secar naturalmente ou use um difusor de cabelo para acelerar o processo.
  5. se sentir necessidade, use um óleo capilar para soltar os cachos e deixá-los mais naturais. Faça isso com cuidado, para não desmanchar a curvatura. 

2. Fitagem estruturada

Assim como a tradicional, na fitagem estruturada você também dará atenção para cada uma das mechas. A diferença está no produto utilizado: gelatinas e géis de cabelo ajudam a manter os cachos ainda mais definidos. 

  1. separe o cabelo em seções menores para facilitar a aplicação dos produtos;
  2. aplique um creme para pentear em cada seção de cabelo, distribuindo-o uniformemente da raiz às pontas, assim como na fitagem tradicional;
  3. em seguida, aplique o gel ou gelatina ativador de cachos, também dando atenção mecha por mecha para modelar os cachos da maneira desejada;
  4. aperte suavemente cada uma das mechas, fazendo movimentos debaixo para cima, para ajudar o fio a formar sua curvatura; 
  5. deixe secar naturalmente ou use um difusor para acelerar o processo de secagem;
  6. depois de seco, use um óleo capilar para apertar os cachos e soltá-los, deixando com aspecto mais natural (o famoso “tirar o durinho” do cabelo!).

3. Plopping

O plopping é uma maneira mais rápida e prática de fazer a fitagem. Perfeita para aqueles dias em que você tem outros compromissos, mas quer sair com o cabelo lindo!

Depois de lavar e enxaguar:

  1. com o cabelo ainda úmido, aplique o creme para pentear ou gel o toda a extensão dos fios, separando as mechas do cabelo (as fitas); 
  2. coloque uma toalha de microfibra ou uma camiseta de algodão em uma superfície plana, como uma mesa ou uma cama;
  3. incline-se sobre a toalha com a cabeça para baixo e coloque o cabelo no centro dela, de modo que o cabelo fique todo concentrado na parte superior da cabeça;
  4. enrole a toalha ou a camiseta em volta da cabeça, concentrando os fios bem ao topo. Isso garantirá mais volume depois de retirar;
  5. deixe o cabelo “plopping” a toalha por alguns minutos, permitindo que o cabelo seque mais rápido, mas sem perder a definição;
  6. retire a toalha e arrume as mechas, separando aquelas que se uniram. Deixe secar naturalmente. 

4. Fitagem de dedo

Também conhecida como “dedoliss”, essa fitagem é um pouco mais trabalhosa, mas traz um resultado ainda mais definido. Dessa vez, utilizando os mesmos produtos (creme para cachos ou gelatinas), você separa as mechas e, depois, enrolá-las nos dedos. Vamos aprender:

  1. pegue uma pequena mecha de cabelo e aplique o produto da raiz até as pontas, deslizando os dedos entre os fios para garantir uma distribuição uniforme. 
  2. modele os cachos enrolando-os ao redor dos dedos para definir sua forma. Repita o processo em todo o cabelo;
  3. deixe secar naturalmente ou use um difusor. Evite tocar nos cachos enquanto eles secam para evitar o frizz.
  4. depois que o cabelo estiver completamente seco, volte passando um pouquinho de óleo capilar, para deixar os fios mais alinhados e soltinhos. 

Tenho certeza que achou a fitagem mais fácil do que você imaginava, não é? Aprendendo os tipos de fitagem e encontrando a que mais funciona para os seus fios, fica muito mais fácil amar os seus cachos!

Não esqueça de sempre escolher produtos de qualidade e que sejam pensados especificamente para cabelos cacheados e ondulados. Eles contam com ativos que ajudam a manter a curvatura e a definição, sem deixar com frizz. 

Agora que você já conhece os tipos de fitagem, é hora de escolher seus produtos! Conheça nossas opções no site!

Compartilhe !

Posts relacionados

Deixe um comentário