kit para cabelo cacheado kit para cabelo cacheado

Kit para cabelo cacheado: saiba como montar!

11 minutos para ler

O mercado da beleza tem investido alto em produtos para os cuidados dos fios cacheados. São tantas opções disponíveis que pode ser difícil descobrir o que incluir no seu kit para cabelo cacheado, não é mesmo?

Continue a leitura e conheça um pouco mais das características do cabelo cacheado e qual a importância de contar com os produtos de tratamento adequados para o seu tipo de fio. Você também vai descobrir quais são os itens indispensáveis para garantir fios hidratados, definidos e com o volume dos sonhos.

Qual a importância de montar um kit para cabelo cacheado?

Quem tem cachos sabe que não é fácil manter as madeixas sempre definidas e hidratadas. Além de ter mais dificuldade para reter a umidade, os cabelos cacheados também não conseguem distribuir os óleos produzidos naturalmente entre a raiz e os fios. Isso explica porque muitas pessoas cacheadas têm a raiz oleosa e as pontas secas.

Se você não investir nos produtos certos, cada lavagem e limpeza dos fios pode acabar danificando a estrutura capilar. Isso ocorre porque shampoos e condicionadores desenvolvidos para outros tipos de cabelo podem conter substâncias que retiram a proteção natural dos cachos, provocando o ressecamento e até a queda.

Com um kit de cuidados para os cabelos cacheados é possível recuperar os fios danificados. Os itens certos para o seu tipo de cabelo também ajudam você a passar pela transição capilar e conquistar fios mais fortes, saudáveis e definidos.

Quais são os 12 produtos que não podem faltar?

Quer deixar os seus cachos radiantes? Separamos os produtos que você precisa ter, com algumas dicas para manter o seu cabelo saudável em quatro fases de cuidado: higienização, hidratação, finalização e manutenção.

1. Pré-shampoo

Se seus fios tendem a perder a umidade muito rapidamente, é possível incluir um produto pré-shampoo no seu kit para cabelo cacheado. A técnica, chamada de pré-poo, ajuda a proteger os fios para que a oleosidade natural do cabelo não seja retirada durante a limpeza dos fios.

Basta aplicar o pré-shampoo nos cabelos secos, da raiz às pontas, deixando agir por 30 minutos. Use uma touca de banho para reter um pouco de calor e abrir as cutículas para que o produto penetre bem nos fios. Em seguida, lave o cabelo como de costume.

2. Shampoo

O shampoo limpa o couro cabeludo e os fios, facilitando ainda a penetração dos nutrientes na sequência do tratamento. Fuja dos produtos que contenham sulfato, álcool e parabenos em sua composição, escolhendo os shampoos suaves específicos para os cachos. Além disso, dê preferência aos produtos:

  • sem sal: recomendados para o cabelo cacheado porque ajudam a preservar a oleosidade natural dos fios;
  • com elastina: esse nutriente garante o movimento dos cachos;
  • com queratina: essa proteína ajuda a manter os fios saudáveis e mais fortes;
  • com pantenol, vitamina B5 e seda hidrolisada: esses nutrientes têm ação hidratante e diminuem o ressecamento dos fios;
  • com extratos de plantas e óleos naturais: essas substâncias conseguem penetrar na fibra capilar e deixam os fios mais macios e brilhantes.

3. Máscara de tratamento

Para a manutenção dos cabelos cacheados as máscaras de tratamento são produtos indispensáveis . Para melhores resultados, é importante que você siga um cronograma capilar de acordo com as características do seu cabelo, para hidratar, nutrir ou reconstruir o fio sempre que necessário. Veja a ação das máscaras em cada uma dessas etapas.

Hidratação

Sua principal função é devolver aos fios a umidade natural, a maciez e o brilho. As máscaras que contam com ingredientes como mel, óleo de coco, banana e abacate em suas fórmulas são altamente hidratantes. Elas podem ser aplicadas durante a noite e enxaguadas pela manhã.

Nutrição

Essas máscaras são conhecidas como umectantes e ajudam na recuperação da oleosidade e da força. Produtos com manteiga de karité, cacau, D-pantenol e murumuru penetram profundamente na fibra capilar e ajudam a devolver a elasticidade natural do fio cacheado. Além disso, contribuem para manter os cachos macios e hidratados.

Reconstrução

A máscara reconstrutora ajuda a repor a massa dos fios perdida com o uso de secadores ou com agentes externos, como a poluição e o sol. Geralmente, essas máscaras contêm creatina, colágeno, queratina e aminoácidos em sua composição.

4. Condicionador

Se o shampoo age abrindo as cutículas capilares, o condicionador atua como uma película protetora, protegendo os fios dos danos diários causados pelo sol, umidade e poluição. Você precisa de um condicionador desenvolvido para os cabelos cacheados para garantir a hidratação necessária desse tipo de fio.

Além disso, esses produtos contêm fórmulas que ajudam na definição dos cachos tornando-os mais macios e suaves. Caso o seu cabelo esteja mais ressecado, opte por condicionadores sem enxágue, com óleos essenciais ou ativos hidratantes em sua composição.

5. Ampolas para tratamentos

Perfeitas para um tratamento no meio da semana, as ampolas são um produto indispensável para quem quer cuidar dos cachos mas não tem muito tempo. Opte por fórmulas com vitaminas ou ativos adequados para os cuidados dos cabelos cacheados.

Essas ampolas são soluções mais concentradas que as máscaras, por isso, não exagere. Uma ampola de queratina aplicada com muita frequência pode ter o efeito contrário, provocando o endurecimento e a quebra dos fios.

6. Óleos vegetais

Os óleos capilares são outro produto que deve fazer parte de seu kit de cuidados com os cachos, já que eles deixam os fios mais nutridos, brilhantes, maleáveis e ainda ajudam no controle do frizz. Os óleos também melhoram a circulação sanguínea no couro cabeludo e promovem o crescimento saudável do cabelo. Entre os óleos mais utilizados temos:

  • óleo de coco: para amaciar os cachos, aplique nos fios antes de dormir ou uma hora antes de lavar o cabelo como um pré-poo;
  • óleo de semente de uva: esse óleo devolve a umidade aos fios mais ressecados. Enrole os fios em uma toalha quente sobre a cabeça e aguarde entre 45 minutos e uma hora;
  • óleo de rícino: para hidratação e brilho, aplique esse óleo nos fios antes de dormir e lave na manhã seguinte.
  • óleo de argan: um dos principais benefícios do chamado ouro do Marrocos é criar uma película protetora que envolve o fio, prolongando a hidratação dos cachos. Aplique nos cabelos uma hora antes do banho;
  • óleo de jojoba: ideal para as cacheadas com muita oleosidade na raiz. Aplique o produto no couro cabeludo, massageando suavemente. Deixe agir por até 45 minutos e enxague.

Os óleos de abacate, amêndoa doce e rosas também são indicados para a umectação dos cabelos cacheados. Você pode acrescentar esse cuidado uma vez na semana ou a cada 15 dias, dependendo da necessidade dos seus fios.

7. Leave-in

Depois de lavar e hidratar, é hora da finalização. O leave-in é um creme sem enxágue que ajuda a hidratar e definir os cachos, além de contribuir para o controle da tendência ao frizz. Existem texturas e versões do produto que atendem às diferentes necessidades dos cabelos cacheados. O tipo certo de produto depende do gosto pessoal, da porosidade e curvatura do fio.

Se o cabelo estiver mais poroso e ressecado, invista em um leave-in mais nutritivo. Se o fio formar ondas mais abertas, com tendência à oleosidade, aposte em texturas mais leves. Quem gosta de cabelos com menos volume pode optar pelos produtos em spray ou mais fluídos. Já quem prefere um efeito mais volumoso pode usar as gelatinas.

8. Ativador de cachos

É um item obrigatório na lista de produtos para as cacheadas, especialmente durante as fases de transição capilar. Como o próprio nome indica, o ativador de cachos ajuda a devolver a definição natural do fio, além de controlar o volume e o frizz. O produto deve ser aplicado em todo o comprimento, após o uso do finalizador.

9. Mousse ou gelatina

Os dois produtos têm ação semelhante, colaborando para a definição dos cachos. A diferença está na textura e no acabamento. Enquanto a gelatina define mais os cachos, a mousse deixa um efeito mais suave.

Esses produtos são indicados especialmente para quem não tem os cachos muito definidos. Porém, as pessoas com outros tipos de cabelo cacheado podem usar o produto nos dias mais úmidos, já que a mousse e o gel também ajudam a controlar o frizz.

10. Umidificador de cachos

É muito comum a confusão do umidificador com o ativador ou leave-in, mas as funções e o tipo de aplicação são diferentes. Enquanto os finalizadores e ativadores de cacho devem ser aplicados nos fios ainda úmidos, o umidificador é utilizado nos cabelos já secos. Sua principal função é ajudar a modelar os fios ao longo do dia, quando o cabelo tende a perder a definição ou sofrer com o frizz.

11. Difusores, babyliss e protetor térmico

A exposição prolongada dos fios cacheados ao calor altera as proteínas que dão forma ao cabelo, podendo quebrar e ressecar os fios. O ideal é limitar o uso do secador a duas vezes por semana, no máximo. Sempre utilize o difusor, já que o aparelho ajuda a reduzir o frizz e distribui uniformemente o calor.

O uso do babyliss ou da chapinha também deve ser evitado, lembrando de nunca utilizar esses produtos em temperaturas acima de 200 °C. Sempre que for utilizar alguma fonte de calor sobre os cachos, não se esqueça de aplicar o protetor termoativado.

12. Pente de dentes largos

Além de sua fragilidade, os cabelos cacheados são mais suscetíveis à formação de nós. Nesses casos, é necessário um cuidado extra. A escovação pode ser agressiva para os cabelos cacheados, e você perde a definição dos cachos, além de provocar mais frizz. 

Caso precise retirar algum nó, faça isso com o cabelo molhado com o auxílio de um pente de dentes largos. Comece pelas pontas e vá subindo para evitar a quebra. Se os seus cachos são pouco definidos ou são presentes apenas no comprimento, escolha uma escova de cerdas naturais para ajudar a distribuir os óleos do couro cabeludo para as pontas.

Como escolher os melhores produtos?

Você acabou de conhecer os principais produtos para cuidar dos cachos. Para saber qual deles é o mais indicado para o seu caso é preciso que você saiba identificar seu tipo de cabelo já que os produtos para a rotina de cuidados podem variar de acordo com o tipo de cacho. Conheça a seguir as características de cada um deles.

Tipo 2: ondulados

Esses fios não chegam a enrolar, mas as ondas fazem um S no comprimento e nas pontas. Os ondulados se dividem em 3 subcategorias, que vão de fios com ondulações leves aos mais volumosos, com ondas mais marcadas. Os cabelos ondulados são menos ressecados que os outros tipos, e o principal problema é a definição dos cachos. A dica é investir em finalizadores e mousses.

Tipo 3: cacheados

Os cabelos cacheados são caracterizados por cachos bem definidos, que começam a partir da raiz, com fios mais volumosos e densos. As subcategorias dos cacheados incluem os cachos soltos em grandes espirais e cachos menores, formados bem próximos uns dos outros. Os principais problemas desse tipo de cabelo são o frizz e o ressecamento. Se esse é o seu caso, capriche nas etapas de higienização e hidratação.

Tipo 4: crespos

Essa categoria reúne os cabelos crespos, que já vêm enrolados desde a raiz, apresentando mais volume e menores cachos. As subcategorias do tipo 4 começam com os cachos bem fechados e enrolados e vão até os fios com ondas em formato de Z, mais próximas e apertadas. É mais frágil e ressecado porque a oleosidade natural do couro cabeludo não consegue chegar até o comprimento. Os óleos e as ampolas de tratamento são os melhores produtos para o kit desse cabelo cacheado.

Sabe onde você encontra os melhores produtos para montar o seu kit para cabelo cacheado? Na IAP! Cosméticos. Somos uma das maiores redes desse setor no Brasil. Nossas lojas são referências em bem-estar e beleza, com linhas de tratamento para os cabelos, colorações, maquiagem, itens de higiene pessoal e de manicure.

Visite nosso site, confira dicas e novidades de beleza e encontre a nossa loja mais próxima de você.

Compartilhe !

Posts relacionados

Deixe um comentário