kit de skincare kit de skincare

Como montar um kit de skincare ideal para o seu tipo de pele?

8 minutos para ler

Se você já passou os olhos pelo feed do Instagram ou outra rede social, certamente se viu diante do termo skincare. Ele se refere às rotinas de cuidado com a pele, com a ajuda de produtos e momentos de relaxamento. Só por aí já é possível imaginar os benefícios dessa prática, não é?

Além de deixar a pele mais saudável e aveludada, ainda reduz marcas, espinhas, cravos e linhas de expressão. Mas talvez o melhor de tudo seja a sensação de autocuidado, proporcionar alguns minutos do dia para aproveitar a própria companhia. Não é à toa que as pessoas começaram a se preocupar mais com essa questão.

Hoje, o Brasil encontra-se em quarto lugar quando se trata de mercado de beleza e cuidados da pele. Em 2020, houve um aumento de 13,4% na procura por cosméticos antissinais, revelando que, cada vez mais, as pessoas estão atentas a essa tendência do skincare.

Tudo isso só prova que montar um kit de skincare de acordo com o seu tipo de pele é uma boa aposta. Mas, afinal, o que não pode faltar na sua frasqueira? Listamos os principais produtos a seguir.

Sabonete facial

A rotina de skincare sempre começa com a higienização, e essa é a principal função do sabonete facial. Ele pode ser encontrado em barra, espuma ou gel, por exemplo, e vale testar diferentes composições para entender qual favorece mais o seu tipo de pele. Essa é uma etapa que deve acontecer 2 vezes ao dia.

Comparada à de outras regiões do corpo, a pele do rosto é bem mais sensível, concorda? Por isso, os sabonetes faciais costumam ter composições que não a agridem, sem deixar de fazer a limpeza. Ainda tiram impurezas, controlam a oleosidade, ajudam na proteção cutânea, entre tantos outros benefícios.

Aqui, vale um cuidado a mais na escolha: peles secas pedem ações mais hidratantes na higienização, enquanto as mistas e oleosas já se contentam com as substâncias antioleosidade. Estas são também as que se dão melhor com o sabonete em barra e gel de limpeza. Já as sensíveis se adaptam a soluções micelares e espumas.

Hidratante

Na rotina corrida, nossa pele é exposta a várias situações, sendo uma delas a perda de água. Isso é normal! Para recuperá-la, dois passos são essenciais: tomar muito líquido e utilizar hidratante, ao menos, 2 vezes ao dia.

O hidratante deixa aquela firmeza, maciez, brilho e jovialidade estampados no rosto. Isso porque ele faz uma barreira poderosa para impedir a perda de água. As composições com ácido hialurônico estão entre as queridinhas no momento, principalmente porque ajudam a preparar a pele antes da make.

Se você tem dúvidas sobre como hidratar cada tipo de pele, nós podemos orientar:

  • seca: o ideal é usar hidratantes em creme duas vezes ao dia, aliados a um sabonete mais suave;
  • oleosa: também duas vezes ao dia, esse tipo de pele responde melhor a produtos em gel ou gel creme;
  • mista: tanto loções cremosas quanto gel e creme funcionam para essa pele.

Lembre-se de que a área dos olhos exige um hidratante específico, pois tem uma camada mais fina e delicada de pele. Pés e mãos também contam com produtos com características especiais, assim como as regiões mais secas.

Protetor solar

O protetor solar fecha a tríade de produtos que precisam estar na rotina de skincare, junto ao sabonete e o hidratante. Inclusive, se você quiser um kit mais compacto e eficiente, seja pela falta de grana, seja porque está começando agora nos investimentos, pode apostar nesses três cosméticos.

Talvez o protetor solar seja também o mais importante durante a primeira sessão de cuidados de pele do dia. Ao contrário do que muitos pensam, é preciso usá-lo até mesmo dentro de casa ou em tempos nublados.

Isso porque o protetor faz uma barreira na pele para que ela não sofra com a incidência da radiação UVA. Sabe aquele solzinho recomendado pelos dermatologistas para manter a saúde cutânea? Ainda que ele não queime, pode causar um bom estrago, levando, até mesmo, ao câncer.

Outro dos mitos do protetor solar é quanto à quantidade necessária para proteger a pele. Muita gente usa alguns pingos de produto para evitar uma aparência oleosa, por exemplo, o que não contribui para o verdadeiro propósito dele. Para não cair nessa cilada, considere uma colher de chá generosa para:

  • rosto e pescoço;
  • tronco e outra para a parte traseira dessa região;
  • cada braço;
  • parte da frente da perna e outra para a de trás.

Máscara

Assim como os cabelos precisam daquela injeção de hidratação e recuperação, a pele também agradece a ação das máscaras. São diversos tipos, com as mais variadas propostas: antienvelhecimento, detox, redução de poros, aumento da luminosidade e assim por diante, dependendo de cada objetivo.

Você pode usá-la 2 vezes por semana. Se quiser fugir das receitas caseiras, existem opções excelentes à sua espera no site da IAP!

Esfoliante

De tempos em tempos, é preciso remover as células mortas e impurezas da pele para ajudar na produção do colágeno. O esfoliante é o seu principal aliado para conquistar esse objetivo, pois consegue limpar os resquícios de produtos deixados pelos sabonetes e demaquilantes.

Como existe o famoso efeito rebote quando a esfoliação não é feita corretamente, vale ter atenção a como esfoliar a pele do rosto:

  • se a pele for acneica, é preciso fazer uma esfoliação ainda mais suave, em movimentos circulares;
  • deixe as pálpebras de fora da esfoliação e tome cuidado com a região das olheiras;
  • peles normais pedem esfoliação a cada 15 dias, enquanto as mistas e oleosas agradecem a prática feita uma vez por semana;
  • não se esqueça de hidratar a pele logo que finalizar esse procedimento.

Tônico facial

Outra aposta para quem quer fazer uma limpeza mais completa na pele é o tônico facial. À base de água, ele desobstrui os poros e não estimula a produção de sebo. Logo, reduz as chances de aparecerem cravos, espinhas e potenciais infecções. Também tem o poder de regular o pH natural do seu rosto.

Existem diversas composições para o tônico facial, com ácido salicílico ou glicólico, por exemplo. O ideal é utilizá-lo na rotina diurna, como um dos passos da higienização. Quem tem pele seca e mais sensível não precisa incluí-lo na limpeza diária, espaçando o uso de 2 a 3 vezes por semana.

Água micelar

Esse produto é repleto de micelas, as partículas que atraem sujeiras e impurezas como se fosse um ímã. A água micelar serve para auxiliar na limpeza da pele e, em alguns casos, pode até substituir o sabonete facial na rotina diurna, principalmente se você acordar com mais sensibilidade que o normal.

A limpeza que esse produto proporciona é suave, mas poderosa: é capaz de remover até parte da maquiagem. Isso sem falar que refresca a pele, hidrata, contribui para reduzir a oleosidade e otimiza a rotina de cuidados. Ainda colabora com qualquer tipo de pele.

Todos esses produtos vêm com indicações sobre o tipo de pele para os quais são indicados. Então, quando estiver adquirindo esses produtinhos, fique de olho nessa informação. Alguns funcionam tanto para as mais secas quanto para oleosas, mas lembre-se: sua pele é única e pode não responder bem à formulação. Diante de qualquer sinal, suspenda o uso, combinado?

A reação não diz necessariamente que o produto é ruim. Dependendo das suas escolhas, pode acontecer de os componentes dos cosméticos não serem compatíveis com a sua pele. Além desses que citamos, ainda existem outros que podem entrar para a sua rotina, como sérum, água termal, vitamina C, bruma e espuma de limpeza.

Antes de ir embora, aqui vai mais uma dica para adquirir o seu kit de skincare: na IAP Cosméticos, temos tudo de que você precisa para higienizar, hidratar, proteger e cuidar da sua pele, seja qual for o tipo. Então, que tal ir às compras sem sair de casa e aproveitar as nossas ofertas pelos canais de atendimento?

Agora que você tem uma ideia do que colocar na sua lista, não pare por aí. Saiba também por que apostar na argila verde antes da make!

Compartilhe !

Posts relacionados

Deixe um comentário