cronograma capilar cronograma capilar

Veja aqui como fazer um cronograma capilar na prática!

7 minutos para ler

Nada melhor que sair do salão com um cabelo hidratado, macio e com muito movimento, não é mesmo? Parece impossível garantir esse efeito em casa, mas com um pouco de disciplina é possível manter a saúde e a beleza dos fios todos os dias: o cronograma capilar.

Neste artigo, vamos mostrar como funciona esse tratamento e o que é necessário para manter uma rotina de cuidados que deixa seus cabelos mais bonitos e saudáveis. Não perca!

O que é cronograma capilar?

O cronograma capilar é uma programação de cuidados para tratar os cabelos de acordo com as necessidades específicas dos fios. Essa prática é composta por três etapas: hidratação, nutrição e reconstrução. Durante o mês, a cada lavagem você prioriza um dos tratamentos, e a frequência de cada fase vai variar conforme a saúde do cabelo.

Esse esquema de tratamentos é eficaz porque trata, ao mesmo tempo, diferentes problemas capilares, oferecendo aos fios todos os ingredientes de que eles precisam. A boa notícia é que o cronograma capilar pode ser adotado para os cuidados com todos os tipos de cabelo. Ele é ainda mais importante para quem tem cachos, para quem abusa das químicas e para cuidar dos danos do cabelo no verão ou no inverno, por exemplo.

Quais são as etapas do cronograma capilar? 

Além dos efeitos do ambiente, como o sol e o vento, os cabelos também sofrem os danos de processos químicos e de descoloração. Com isso, os fios perdem água, lipídios e massa capilar diariamente. Cada uma das três etapas do cronograma capilar age em um desses problemas para deixar os fios 100% saudáveis. Veja qual é a ação de cada uma.

Hidratação

A hidratação é a base do cronograma capilar. A função dessa etapa é devolver aos fios a umidade e os nutrientes perdidos. Mesmo sem atuar profundamente nos cabelos, a hidratação é essencial para devolver o brilho e maciez dos fios. Além disso, essa etapa de cuidados evita a formação de pontas duplas e a queda de cabelo.

Em geral, a hidratação é feita com máscaras de tratamento ou ampolas que contenham ingredientes como óleo de coco, aloe vera e D-pantenol. Outros ingredientes indispensáveis para uma boa hidratação são: as vitaminas A, B, B5 e E; as frutas, como abacate e banana; glicerina e elastina.

Nutrição

A etapa da nutrição garante a reposição de lipídios, uma película de gordura que protege os fios, deixando-os macios, flexíveis, brilhantes e com as cutículas alinhadas. Por isso, esse tratamento é indispensável para quem está com os cabelos secos, porosos e com muito frizz. A nutrição pode ser feita de quatro maneiras:

  • com máscaras de nutrição: elas contêm agentes nutritivos;
  • com manteigas ou cremes ricos em óleos: geralmente são tratamentos que podem ser realizados durante o banho, com ação rápida;
  • com umectação: essa é uma etapa dentro da nutrição capilar em que é aplicado um óleo em todo o cabelo. Ela pode ser realizada durante a noite ou 30 minutos antes do banho. Também é possível usar um finalizador para cabelo com óleos após a lavagem.

Na hora de escolher os produtos para essa fase, invista em tratamentos ricos em óleos e manteigas, como: óleo de argan, azeite, óleo de girassol, manteiga de cacau, macadâmia, murumuru e karité.

Reconstrução 

É a etapa mais intensa dessa programação de cuidados, responsável por reconstruir a fibra capilar, restaurando a queratina perdida. Com isso, é possível recuperar a força, a elasticidade e a resistência dos fios. A reconstrução é indicada apenas para os casos em que os cabelos estão profundamente danificados. Se aplicado em um cabelo saudável ou com poucos danos, o tratamento pode provocar a queda dos fios.

Os principais componentes para a reconstrução são: arginina, colágeno, creatina, cisteína e queratina. Como os tratamentos anteriores, essa etapa pode ser feita com uma máscara de tratamento ou pelo processo de cauterização. Nesse caso, é aplicada queratina líquida que será selada com o auxílio de um secador ou chapinha.

Quais são as vantagens dessa rotina de tratamento?

Como você viu, cada etapa traz benefícios diferentes aos fios. Saiba mais sobre eles:

  • hidratação: combate a opacidade dos fios, deixando-os mais brilhantes e macios. Além disso, ela evita a formação de pontas duplas e reduz a queda de cabelo;
  • nutrição: reduz o frizz, dá movimento aos fios, sela as cutículas e prolonga os efeitos da hidratação dos cabelos;
  • reconstrução: recupera a fibra capilar e recupera a textura e a saúde dos fios.

Como descobrir qual tratamento é mais adequado para seus fios?

Um dos modos mais simples para identificar qual será a ordem do seu cronograma capilar é realizar o teste de porosidade. Para isso, você vai precisar de um fio do seu cabelo e de um copo com água. Mergulhe o fio e aguarde alguns segundos para conferir o resultado.

Se o cabelo boiar, o foco do seu cronograma será a hidratação. Se o fio afundar, seu cabelo precisa de um reforço na reconstrução. Já o fio que não boia, nem afunda, carece de nutrição.

Como montar seu cronograma capilar?

Feito o teste de porosidade, é hora de montar a ordem da sua rotina de cuidados, priorizando a etapa que seu cabelo mais necessita no momento. Serão três lavagens por semana, com ênfase em um tratamento. Confira a seguir, qual será o cronograma de cada fase.

Hidratação

Semana 1: Hidratação — Nutrição — Hidratação.

Semana 2: Nutrição — Hidratação — Reconstrução.

Semana 3: Hidratação — Nutrição — Hidratação.

Semana 4: Nutrição — Hidratação — Reconstrução.

Nutrição

Semana 1: Nutrição — Reconstrução — Hidratação.

Semana 2: Hidratação — Nutrição — Hidratação.

Semana 3: Nutrição — Hidratação — Nutrição.

Semana 4: Hidratação — Reconstrução — Nutrição.

Reconstrução

Semana 1: Reconstrução — Hidratação — Nutrição.

Semana 2: Hidratação — Nutrição — Hidratação.

Semana 3: Reconstrução — Hidratação — Nutrição.

Semana 4: Hidratação — Reconstrução — Hidratação.

Qual é a duração do cronograma capilar?

O calendário sugerido no tópico anterior é válido por um mês. Embora os resultados já apareçam nas primeiras semanas dessa rotina de cuidados, o ideal é prolongar o cronograma.

Quem está em fase de transição capilar, tem os fios muito danificados ou tem cabelos coloridos pode esperar de 6 a 8 meses para que os cabelos fiquem completamente recuperados. Assim que terminar o primeiro ciclo, refaça o teste do fio para identificar a próxima fase do tratamento.

Durante o cronograma capilar, escolha shampoos e condicionadores com as mesmas propriedades do tratamento realizado, para potencializar os resultados. Na IAP! Cosméticos, você encontra as melhores linhas de tratamento para cuidar dos seus fios em todas as fases de cuidados. 

Visite nosso site, confira outras dicas de beleza e encontre a nossa loja mais próxima de você.

Compartilhe !

Posts relacionados

Deixe um comentário